segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Agricultores mineiros terão assistência técnica da Emater-MG




Horta de Capela Nova fornece produtos para oito escolas (Foto: Divulgação/Emater-MG)

Em 2014, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) deve prestar assistência a 7,2 mil agricultores familiares em 600 municípios mineiros para que eles participem do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). A iniciativa tem garantido a inserção de produtos da agricultura familiar no mercado institucional, fortalecendo o setor em muitos municípios mineiros.
O Pnae é um programa do governo federal que, por meio da lei federal nº 11.947, garante que 30% dos recursos para a merenda escolar sejam destinados à compra de gêneros alimentícios produzidos pela agricultura familiar. Dessa forma, o programa tem garantido um cardápio variado na merenda escolar e mercado para os agricultores familiares.
As atribuições da Emater-MG no programa abrangem desde a assistência técnica, mobilização de agricultores, emissão da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), orientação e elaboração de projetos, até capacitação dos agricultores em boas práticas de produção.
No ano passado, a Emater-MG orientou cerca de 7 mil produtores, em 556 municípios, visando à participação deles no Pnae. De acordo com o coordenador técnico estadual da Emater-MG e gestor do programa, Ademar Pires, a orientação da empresa tem facilitado a inserção dos agricultores familiares no Pnae e no mercado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário