Tamanduá-mirim é encontrado dentro de casa em Carmo da Mata, MG

Foto: Emerson Rabêlo/Jornal ANotícia
Um tamanduá-mirim foi encontrado em uma casa em Carmo da Mata, no Centro-Oeste do estado. Segundo a Polícia de Meio Ambiente do município de Oliveira, o animal foi resgatado na manhã desta segunda-feira (25) e estava atrás de um vaso de flores na área da casa.

O empresário Jorge Sales contou que a mãe dele, a aposentada Maria Sales, abriu a porta e observou que a área estava suja de terra, foi quando ela viu o tamanduá atrás do vaso de flores. "Foi um susto muito grande, minha mãe até confundiu o bichinho com um gambá gigante. Mas ele não fez nada, ficou totalmente indefeso. Mesmo assim todo mundo lá de casa usou a porta dos fundos para não ter que passar perto dele", contou.

O empresário contou ainda que essa foi a primeira vez que um animal silvestre apareceu em residência dele e que desconfia que o tamanduá tenha vindo de um pasto que fica a dois quarteirões da casa. "Tem um pasto próximo, eu não faço ideia de onde ele pode ter vindo, mas desconfio que seja de lá", disse.

Para a Polícia de Meio Ambiente essa é a primeira vez que um animal desta espécie é resgatado no município. "Ele provavelmente se afastou do habitat em busca de alimento, ou falta de recursos mesmo", disse o soldado Caio Bruno Maia e Moraes.

O policial informou que o tamanduá-mirim passará por exames antes de ser devolvido à natureza." São exames clínicos só para saber se ele está apto à soltura", afirmou.

Comentários